FOA 50 Anos

Dauro Peixoto Aragão

Presidente - Fundação Oswaldo Aranha

Ao comemorarmos os cinquenta anos da criação da Fundação Oswaldo Aranha, desejamos lembrar e agradecer àqueles que impulsionaram a magnífica ideia de dotar nossa cidade de um estabelecimento de ensino superior de elevada qualidade, preenchendo o grande vazio que existia em Volta Redonda, prejudicando toda a juventude do Sul Fluminense.

Como testemunha presencial de tal fato, seria impossível deixar de lembrar do nome de Savio Gama, o grande emancipador da cidade do Aço e seu primeiro prefeito.

Em momento de rara inspiração, preocupado com a educação e cultura em nossa cidade, assumiu a liderança da luta, secundado por uma plêiade de idealistas, arrostando todos os ônus de tal empreendimento, concretizando o sonho de toda a população que ansiava por tal medida.

Fastigioso seria a menção de tantas personalidades que se dedicaram à execução de tal tarefa.

A realidade demonstra que a mocidade estudantil de nossa região muito de beneficiou de tal iniciativa, pois a FOA, como mantenedora do UniFOA, já diplomou mais de 30.000 jovens, hoje mostrando seus serviços em todo o Brasil.

Esperamos que o futuro nos beneficie com o reconhecimento nacional de nossas atividades, o que em parte já vem acorrendo, atividades que espelham a elevada qualidade do ensino que aqui é ministrado.

A todos os Participantes da FOA, professores, funcionários e alunos, enviamos nossos sinceros agradecimentos por sua inestimável participação no engrandecimento da FOA e UniFOA.

Eduardo Guimarães Prado

Vice-presidente - Fundação Oswaldo Aranha

A FOA e o UniFOA possuem uma tradição em ensino superior que há 50 anos vêm se destacando no Sul do Estado do Rio de Janeiro, alcançando por diversas vezes o reconhecimento de ser a melhor Instituição de Ensino em sua categoria de Centro Universitário, Fundação Privada.

Nesta trajetória tivemos pessoas que marcaram a sua história, seus fundadores, instituidores, beneméritos e institucionais souberam entender o “time” educacional na região e o empenho individual e coletivo nos conduziram ao sucesso educacional. Os membros dos Conselhos Diretor, Curador e Fiscal em toda sua existência foram geridos por pessoas abnegadas que se dedicaram à melhor forma administrativa em um setor absolutamente competitivo.

O orgulho em nosso corpo social é evidente e parte deste sucesso é fruto de um intenso trabalho de professores, alunos e funcionários administrativos que incansáveis dedicam suas vidas profissionais ao melhor do empenho próprio em destino ao ensino.

Hoje, tenho comigo que a FOA e o UniFOA precisam mudar. Esta mudança é para manter o mesmo resultado de sempre. Mudar para ser o mesmo, mantendo a qualidade em seus processos internos e a novas metodologias no aprendizado. Hoje estamos construindo um futuro que pretende transformar esta Instituição em um lugar de aprendizado e não apenas de ensino.

A frase que nos define, “formando para a vida” tomou outra dimensão, pois agora não esta integrada apenas em nossos processos do presente, mas na experiência que pretendemos entregar ao novo estudante que chega aos Campi do UniFOA transformando vidas.

A modernidade, integração, agilidade nas relações sociais e de trabalho, exigem que entreguemos aos acadêmicos um espaço onde a sua atividade de aprendizagem seja única e prazerosa. Que a experiência nos diversos espaços de conhecimento sejam compensadoras e possibilitem um profissional que seja resoluto em todos os níveis.

É isso que as empresas esperam, e é isso que a sociedade brasileira precisa para que o uso inteligente da criatividade repercuta em avanços tecnológicos e sociais, que seus profissionais não sejam repetidores de informação ou de ação, mas que acima de tudo sejam empreendedores, e apresentem soluções criativas ao bem comum.

Assim o UniFOA e a FOA vêm se apresentando agora, para a construção de um novo século humano de aprendizagem.

Claudia Yamada Utagawa

Reitora do Centro Universitário Volta Redonda - UniFOA

Em 18 de outubro de 1967, foi criada a Fundação Oswaldo Aranha. Todos esses anos foram assinalados por lutas, perseverança e idealismo na trajetória contínua da qualidade da educação superior. E no ano que completa seu cinquentenário, temos a grata satisfação de afirmar que a FOA/UniFOA faz parte no seleto grupo das melhores instituições de ensino do país, sendo o 2º melhor Centro Universitário do Estado do Rio de Janeiro.

Os valores produzidos nesse período, que estão diretamente articulados à Missão e Visão do UniFOA, têm contribuído para consolidar a identidade institucional que é norteada, principalmente, por práticas de Responsabilidade Social efetivadas por meio de ações de ensino, pesquisa e extensão.

Nesse contexto, visando a formação de estudantes com alto grau de comprometimento humano e social, cujo resultado pode ser notado não só na atuação profissional de nossos mais de 30 mil egressos, mas também no impacto de suas ações junto à comunidade, a FOA/UniFOA vêm atendendo às demandas sociais e locorregionais.

Isso tem sido possível porque mantivemos de forma inequívoca a vocação dos princípios substanciais da Fundação de atender às necessidades da região e investimos permanentemente na melhoria da infraestrutura, na qualificação docente e no aperfeiçoamento dos projetos pedagógicos dos cursos, tanto de graduação como de pós-graduação lato e stricto sensu.

É importante ressaltar ainda que, a FOA/UniFOA vêm criando e mantendo espaços de diálogo, de reflexões e de troca de experiências acadêmico-científicas entre discentes e docentes das mais diferentes instituições de ensino, investindo de forma regular e produtiva no desenvolvimento de pesquisas de qualidade e de divulgação de trabalho que é realizado nas diversas universidades, em diferentes níveis de ensino. Com este tipo de iniciativa, a FOA/UniFOA incentiva a produção qualificada e fomenta iniciativas de atualização acadêmica com foco na formação sólida de cidadãos que saibam inovar diante dos atuais desafios.